BEM VINDO!

CAMPEONATO CATARINENSE DE KART INDOOR FAUESC RA RACING KARTÓDROMO INTERNACIONAL BETO CARRERO TECHSPEED RBC MOTOR SPORT BEDIN RACING ADN RACING FT 250

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

REGULAMENTO

  • janeiro 29, 2018
1 - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1 - A Associação Esportiva RA RACING Kart Amador, de acordo com o CODE SPORTIF INTERNATIONAL DE LA FIA - CDI, o REGLEMENT INTERNATIONAL DE KARTING - RIK/CIK, CÓDIGO DESPORTIVO DO AUTOMOBILISMO - CDA 2018, REGULAMENTO NACIONAL DE KART - RNK 2018 e este Regulamento Particular com a supervisão da Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina - FAUESC realizara o 1º CAMPEONATO CATARINENSE DE KART INDOOR.

1.2 - O Campeonato Catarinense de Kart Indoor (CCKI) será realizada no dia 14 de abril de 2018. O evento será regido pelo presente regulamento desportivo. A quantidade de baterias pode variar de acordo com a quantidade de pilotos inscritos.

1.3 - O evento ocorrerá no Kartódromo Internacional Beto Carrero, Penha, Santa Catarina.

2 - INSCRIÇÃO / TAXA DE INSCRIÇÃO
2.1 - A inscrição no evento será realizada através do site (www.catarinensedekartindoor.com.br) até o dia 01/04/2018.

2.2 - As vagas são limitadas, 120 (cento e vinte vagas), a quantidade de vagas fica a cargo da organização, caso haja a necessidade de mudar esta quantidade, a organização o fará.

2.3 - Os inscritos poderão ser pessoas a partir de 16 anos (menores só poderão participar com a presença do responsável no local do evento), devendo estar em plenas condições físicas e mentais. Não existem restrições referentes ao sexo dos participantes, características físicas serão limitantes caso o participante não possa se acomodar nos karts com segurança.

2.4 - Após preencher e enviar o formulário de inscrição, o participante deverá pagar a taxa de inscrição dentro dos períodos estipulados e deverá assinar o termo de compromisso e autorização do uso de imagem.

2.5 - Valores e opções de INSCRIÇÃO:
2.5.1 - De 20/02/2018 a 20/03/2018 - R$ 490,00 (Quatrocentos e noventa reais);
2.5.2 - De 21/03/2018 a 14/04/2018 - R$ 550,00 (Quinhentos e cinquenta reais);
2.5.3 - O pagamento poderá ser realizado em parcelas:
PARCELA ÚNICA - 10 Março: R$ 490,00
PARCELA 1 - 10 Março: R$ 245,00
PARCELA 2 - 10 Abril: R$ 245,00

2.6 - Somente serão consideradas inscritos, os participantes que realizarem o pagamento da inscrição e envio do comprovante de depósito para financeiro@raracing.com.br com NOME DO PARTICIPANTE, será obrigatório o preenchimento do formulário de inscrição no site, TODOS os participantes do evento terão que assinar o termo de compromisso e autorização do uso de imagem, informando seus dados pessoais. O termo será entregue no momento do credenciamento.

2.7 - Caso o participante opte por realizar o deposito do valor INTEGRAL, o pagamento deve ser efetuado em até o dia 10 de Março. Caso, o deposito não seja realizado neste prazo a inscrição estará automaticamente CANCELADA.
2.7.1 - Caso o participante opte por pagar o valor total de forma parcelada, o participante deverá realizar os pagamentos dentro dos prazos estipulados no item 2.5.3, caso contrário, a inscrição será cancelada, sem direito a devolução do valor.
2.7.2 - Em casos de desistência do participante, o participante terá até dia 20 de Março para solicitar devolução do valor depositado, caso contrário o valor não será mais devolvido, tendo em vista os gastos e compromissos que a organização tem para com os fornecedores.

2.8 - As informações para depósito do valor serão enviadas por e-mail de forma automática, após realizar inscrição no site: (www.catarinensedekartindoor.com.br)

2.9 - A comissão organizadora não se responsabilizará por qualquer despesa de locomoção, alimentação e inscrição para a participação do piloto.

2.10 - OBRIGATÓRIO: Cada participante deve levar 5 (cinco) kg de alimentos não perecíveis. Caso o participante não leve 5 (cinco) kg, o mesmo só poderá participar do evento mediante pagamento de R$50,00 reais (Valor convertido em alimento para doação).

3 - TRAÇADOS
3.1 - Os traçados podem ser vistos na Seção TRAÇADOS no site da competição.
Importante: Serão utilizados 4 traçados diferentes durante o evento, em caso de chuva, serão usados apenas os Traçados 1 e 2.

3.2 - Os traçados serão definidos em até 20 dias antes do evento e serão divulgados no site do evento.

4 - CATEGORIAS
4.1 - O evento terá 4 categorias:
4.1.1 - MASTER: categoria com participação livre de qualquer piloto de ambos os sexos com lastreamento mínimo de todos os pilotos em 80 kg considerando equipamento;
4.1.2 - GRADUADOS: categoria com participação livre de qualquer piloto de ambos os sexos com lastreamento mínimo de todos os pilotos em 95 kg considerando equipamento;
4.1.3 - SUPER GRADUADOS: categoria com participação livre de qualquer piloto de ambos os sexos com lastreamento mínimo de todos os pilotos em 110 kg considerando equipamento.
4.1.4 - GERAL: categoria formada pelos 5 (cinco) melhores de cada uma das categorias (master, graduados e super graduados) com lastreamento mínimo de todos os pilotos em 95 kg considerando equipamento.

4.2 - Não há exigência de peso mínimo para a participação de um piloto em qualquer categoria, desde que este siga as regras de lastreamento descritas nos itens 4.1.1, 4.1.2 e 4.1.3.

4.3 - Os karts permitem a colocação de 25 kg (5 barras de 5 kg) que serão providas pelo kartódromo. Caso o piloto não alcance o peso, definido por sua categoria, com a colocação de 25 kg no kart, fica sob sua responsabilidade o lastreamento extra.

4.4 - Fica permitida ao participante a utilização de lastreamento corporal desde que sejam respeitadas as normas de segurança.

4.5 - Não serão permitidos lastros acoplados ao kart ou ao corpo que possam oferecer risco aos competidores do evento. Fica determinado que o comissário de box tem total autonomia para validar a utilização de lastros extras.

5 - FORMAÇÃO DO GRID (CLASSIFICATÓRIA)
5.1 - A formação do GRID DE LARGADA será definida da seguinte maneira para categorias com até 25 pilotos:

5.1.1 - Classificatória 1: A formação do GRID DE LARGADA de todas as categorias, da Classificatória 1, será feita mediante sorteio que será realizado em data previamente marcada e da forma que melhor couber à organização do evento e publicamente para que todos possam acompanhar. O resultado do sorteio será publicado no site do CCKI e no mural no dia do evento, para conferência dos pilotos;
5.1.2 - Classificatória 2: A formação do GRID DE LARGADA se dará pela inversão do sorteio realizado para a formação do grid da Classificatória 1 - Exemplo: Se o participante foi sorteado com a P1 na Classificatória 1, largará em último na Classificatória 2; e
5.1.3 - Classificatória 3: Serão somados os pontos de todos os participantes da categoria, após a soma geral, o GRID DE LARGADA será o inverso da PONTUAÇÃO GERAL - Exemplo: O participante que somar mais pontos (Classificatória 1 + Classificatória 2) largará na última colocação da Classificatória 3.

5.2 - A formação do GRID DE LARGADA será definido da seguinte maneira para categorias com mais 25 pilotos (necessidade de criar grupos A, B, C ...):
5.2.1 - Classificatória 1: A formação do GRID DE LARGADA e GRUPO de todas as categorias, da Classificatória 1, será feita mediante sorteio que será realizado em data previamente marcada e da forma que melhor couber à organização do evento e publicamente para que todos possam acompanhar. O resultado do sorteio será publicado no site do CCKI e no mural no dia do evento, para conferência dos pilotos;
5.2.2 - Classificatória 2: A formação do GRID DE LARGADA se dará pela inversão do sorteio realizado para a formação do grid da Classificatória 1 e será realizada a mescla dos participantes em posições pares - Exemplo: Se o participante foi sorteado com a P1 no Grupo A na Classificatória 1, largará em último no Grupo A na Classificatória 2, Já o participante sorteado com a P2 no Grupo A na Classificatória 1, largará na penúltima colocação no Grupo B, na Classificatória 2 e assim por diante; e
5.2.3 - Classificatória 3: Serão somados os pontos de todos os participantes da categoria sem distinção de GRUPO, após a soma geral, o GRID DE LARGADA será o inverso da PONTUAÇÃO GERAL - Exemplo: O participante que somar mais pontos (Classificatória 1 + Classificatória 2) largará na última colocação do Grupo A da Classificatória 3, o segundo mais bem colocado na somatória geral, será o último do Grupo B na Classificatória 3 e assim por diante. O critério de desempate para a formação do grid será a ordem alfabética.

6 - CCKI - FASE CLASSIFICATÓRIA
6.1 - Cada piloto correrá três baterias classificatórias de 15 minutos + 1 volta.

6.2 - EM TODAS AS BATERIAS OS KARTS SERÃO SORTEADOS. O piloto não poderá utilizar o mesmo kart que utilizou em classificatória anterior, caso obtenha o mesmo kart no sorteio, deverá realizar novo sorteio.

6.3 - Não haverá treino classificatório nesta fase.

6.4 - Havendo a necessidade de troca do kart, o kart a ser utilizado pelo piloto será o sorteado pelo comissário técnico, não havendo a opção de escolha por parte do piloto.

6.5 – Largada será em fila indiana, parada e instruída pela diretor de prova.

7 - CCKI - FASE CLASSIFICATÓRIA - PONTUAÇÃO
7.1 - A pontuação para cada categoria em cada classificatória:
10º11º12º13º14º15º16º17º18º19º20º
2523211917151413121110987654321

7.2 - A partir da vigésima (20ª) colocação (caso ocorra) a pontuação será a mesma até o último colocado da bateria, exemplo: participaram 23 pilotos na bateria, o vigésimo primeiro, vigésimo segundo e vigésimo terceiro receberam a mesma pontuação do vigésimo colocado.

7.3 - Caso hajam baterias heterogêneas, ou seja, com diferença na quantidade de pilotos, o último colocado da bateria com maior número de pilotos receberá a mesma pontuação do adversário que chegou à sua frente.

7.4 - O piloto detentor da melhor volta em cada bateria receberá 1 ponto de bonificação.

7.5 - Ao final das três baterias de cada piloto os pontos de cada bateria serão somados.

7.6 - 15 (quinze) participantes de cada categoria se classificarão para a final (Categorias Master, Graduados e Super Graduados). Esta quantidade pode variar de acordo com a quantidade de pilotos inscritos na categoria. Quantidades inferiores a 20 participantes acarretará na classificação de 10 (dez) competidores para a final.

7.7 - O critério de desempate será definido pela melhor posição alcançada pelo piloto nas 3 baterias classificatórias, caso persista o empate, a melhor volta das 3 baterias será utilizada como critério. Por fim, sorteio.

8 - CCKI - FINAL (Categorias Master, Graduados e Super Graduados)
8.1 - Será formada uma bateria com os pilotos classificados, respeitando o Item 7.6.

8.2 - A final terá um treino de 5 minutos e uma corrida de 15 minutos + 3 voltas.

8.3 - Os karts serão sorteados em todas as baterias do evento, momentos antes do início da bateria, já no parque fechado. A organização irá escolher os karts da final baseando-se nos resultados das baterias anteriores.

8.4 - A troca de kart é liberada durante o TREINO, o kart a ser utilizado pelo piloto será o sorteado pelo comissário técnico, não havendo a opção de escolha por parte do piloto.

8.5 - Na largada, os karts serão dispostos dois a dois, para a saída lançada. Na volta de apresentação, é proibido ultrapassar outro concorrente, salvo nas situações abaixo descritas:
a. O piloto que por qualquer motivo, não puder largar em sua posição, ou, ainda, se atrasar, deverá levantar o braço, deixando todo o pelotão ultrapassá-lo, permanecendo no fim do mesmo até a largada, ou dirigir-se ao Parque de Manutenção para sanar o problema, e de lá largar quando o diretor de prova autorizar, sempre após o último kart do pelotão.
b. Serão pintadas quatro linhas paralelas brancas, formando dois corredores de dois metros de largura cada, ao longo do grid de largada. Os concorrentes deverão se dirigir para a largada em duas filas indianas, cada uma dentro de um corredor. O concorrente que cruzar com duas rodas uma das faixas do seu respectivo corredor, poderá ser penalizado por queima de largada em 5 (cinco) segundos, e se cruzar as referidas linhas com as quatro rodas, poderá ser penalizado em 10 (dez) segundos, a critério dos Comissários Desportivos.
c. A partir do momento em que a largada for autorizada pelo Diretor de Prova, as ultrapassagens estarão permitidas, após ultrapassagem da linha de largada.
d. A largada deve acontecer em velocidade reduzida.
e. Será exigido para a largada, que todo o pelotão, liderado pelo “pole-position”, faça o percurso completo da volta de apresentação até o instante da largada, em marcha reduzida e devidamente alinhado. A responsabilidade pela velocidade de condução do pelotão será do “pole-position”. O piloto que estiver largando na segunda posição será o responsável pela formação do “grid”, e não poderá estar à frente do “pole-position” em nenhum momento.
f. Se o diretor de prova interromper o procedimento de largada e determinar novo alinhamento, ele poderá, a seu critério, determinar que o infrator perca a sua posição no “grid”, e largue cinco posições atrás daquela em que teria o direito de largar.

8.6 - Nas finais, os pilotos classificados receberão pontos de BONIFICAÇÃO de acordo com sua posição final na fase classificatória:
10º11º12º13º14º15º16º17º18º19º20º
109876543210000000000

8.10 - O piloto detentor da melhor volta na final receberá 1 ponto de bonificação.

8.11 - O piloto que obter a pole-position na final receberá 1 ponto de bonificação.

8.12 - A pontuação para a bateria FINAL:
10º11º12º13º14º15º
504846454443424140393837363534

8.13 - O campeão será o piloto que somar mais pontos (bonificação + pontos final), em caso de empate, o critério de desempate será a melhor posição final na fase classificatória.

9 - CCKI - FINAL (categoria Geral)
9.1 - A bateria relacionada a categoria Geral será formada pelos 5 melhores pilotos (das finais) de cada uma das categorias (Master, Graduados e Super Graduados).

9.2 - A categoria terá apenas uma bateria (FINAL GERAL).

9.3 - A final terá um treino de 5 minutos e uma corrida de 15 minutos + 3 voltas.

9.4 - Os karts serão sorteados em todas as baterias do evento, momentos antes do início da bateria, já no parque fechado. A organização irá escolher os karts da final baseando-se nos resultados das baterias anteriores.

9.5 - A troca de kart é liberada durante o TREINO, o kart a ser utilizado pelo piloto será o sorteado pelo comissário técnico, não havendo a opção de escolha por parte do piloto.

9.6 - O piloto vencedor da bateria será homologado como campeão da categoria GERAL.

10 - PREMIAÇÕES
10.1 - Relação de prêmios (Master, Graduados e Super Graduados):
1º - Troféu
2º - Troféu
3º - Troféu
4º - Troféu
5º - Troféu
6º - Troféu

10.3 - Relação de prêmios (GERAL):
1º - Troféu
2º - Troféu
3º - Troféu

10.4 - Prêmios especiais serão disponibilizados ao Campeão e Vice-campeão da categoria GERAL. O campeão GERAL terá o direito de escolher entre o Prêmio #1 e o Prêmio #2.

10.5 - Descrição dos PRÊMIOS ESPECIAIS:
PRÊMIO #1
* Inscrição para o Campeonato Catarinense de Kart Profissional 2018 (CATEGORIA F4) (FAUESC);
* Chassi e suporte (Techspeed);
* Um Jogo de pneus (Bedin Racing); e
* Aluguel de motor (RBC Motorsport).

PRÊMIO #2
* Inscrição para o Campeonato Catarinense de Kart Profissional 2018 (CATEGORIA FT250) (ADN Racing);
* Chassi e suporte (ADN Racing);
* Um Jogo de pneus (Bedin Racing); e
* Aluguel de motor (ADN Racing).

10.4 - Os campeões das categorias Master, Graduados, Super Graduados e Geral também receberão o título e premiação correspondente na FESTA ANUAL DE ENCERRAMENTO DA FAUESC que acontece a cada final de temporada.

11 - RECLAMAÇÕES
11.1 - A organização e os promotores não respondem por decisões dos comissários e/ou por responsáveis pela fiscalização de pista, por punições que venham a decidir, estes são soberanos na pista.

12 - EQUIPAMENTOS/PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA E CUIDADOS
12.1 - Os pilotos deverão usar o equipamento mínimo de segurança:
a. Capacete (integral/com viseira) - proibido capacete MODULAR, OFF-ROAD, HÍBRIDOS, CURTOS, ABERTOS;
b. Luvas (integral);
c. Macacão(caso o piloto não possua, o kartódromo disponibiliza o aluguel pelo valor de R$ 10,00);
d. Sapatilhas (calçados fechados/tênis); e
e. Balaclava (obrigatório para pilotos com cabelo comprido).

12.2 - Serão recomendados a utilização dos seguintes equipamentos de segurança:
a. Protetor de costelas;
b. Colar cervical;
c. Balaclava;
d. Qualquer outro equipamento de segurança que o piloto julgue conveniente, tais como joelheiras, cotoveleiras, espumas de proteção, etc.

12.3 - Não é de responsabilidade da organização do evento, fornecer o equipamento de segurança obrigatório.

11.4 - A organização se reserva o direito de impedir de participar do evento o piloto que não se apresentar com o equipamento mínimo de segurança descrito no Item 12.1.

11.5 - Os pilotos deverão ter o máximo de cuidado durante as provas ou baterias, pois caso aconteçam acidentes, deverão ser respeitadas as sinalizações com as bandeiras amarela e vermelha. O respeito a estas sinalizações e aos fiscais de pista consideram a segurança de todos os pilotos e o piloto que as desrespeitar será advertido, punido ou até mesmo desclassificado.

11.6 - Deve-se zelar pelos karts que estarão sendo usados. Não será permitido nenhum tipo de irregularidade com os karts provocada pelo piloto como batidas propositais. Se isso ocorrer, a organização aplicará as medidas cabíveis ou até mesmo a desclassificação da equipe.

11.7 - Havendo quebra de qualquer parte do kart que acarrete cobrança por parte do kartódromo, fica estabelecido que é responsabilidade do piloto que ocupou aquele kart quitar o débito correspondente.

11.8 - Durante todo o evento haverá a presença de ambulância e equipe especializada para atender qualquer ocorrência durante o evento. Em situações nas quais não haja a presença de equipe especializada o evento poderá ser postergado ou cancelado.

11.9 - A RA RACING reserva o direito de cancelar qualquer evento nos casos de discordância comercial e/ou falta de condições de infraestrutura/equipamentos do kartódromo e condições climáticas que comprometam a segurança dos participantes. Caso ocorra, a organização se compromete a informar todos os envolvidos em tempo hábil e substituir o local por um segundo. Não havendo a possibilidade de transferir o evento para um segundo local, o evento será cancelado e a organização buscará remarcar o evento posteriormente.

11.10 - O acesso à pista será controlado, somente pessoas autorizadas pela organização da prova poderão ter acesso à pista, devendo os demais permanecer nas áreas determinadas pela organização.

11.11 - Não é permitido qualquer tipo de equipamento eletrônico ou de comunicação entre pilotos e/ou expectadores. Ex: Alfano, GPS, Celulares, Rádios Comunicadores, relógios de pulso, cronometro, etc. O não cumprimento deste item acarretará na desclassificação da equipe.

11.12 - É expressamente proibida a fixação de qualquer objeto estranho ao capacete, exemplo, câmeras.

11.13 - A fixação de câmeras na carenagem será permitida. A fixação do equipamento será fiscalizada pela comissão técnica do evento.

11.14 - É proibido acelerar/freiar o kart com a mão, seja puxando o cabo do acelerador ou diretamente no motor. Caso a organização identifique essa conduta, o piloto será advertido. A reincidência, será punida com 10 segundos no resultado final da prova e bandeira de box imediata. Em caso de rompimento do cabo do acelerador/freio, o piloto deve seguir para o box ou abandonar o kart em local seguro fora da pista.

11.15 - Durante evento, a cada bateria serão selecionados pilotos para que seja verificado se houve consumo de álcool (bafómetro), o piloto que consumir álcool durante o evento, será desclassificado da competição.

12 - EQUIPAMENTO CHASSI/MOTOR
12.1 - Os karts utilizados nos eventos são de propriedade do kartódromo, não cabendo à organização do evento a manutenção dos mesmos.

12.2 - Casos de quebras e disparidade de tempos poderão ocorrer durante os eventos e não serão aceitas reclamações.

12.3 - Os karts que sofrerem avarias serão substituídos e/ou reparados durante o evento, podendo ser reutilizados, não havendo a opção de escolha por parte do piloto.

13 - SUPERVISÃO
13.1 - O evento é homologado pela Federação Catarinense de Automobilismo de Santa Catarina, a FAUESC disponibilizará para o evento corpo técnico para supervisão de questões desportivas.

13.2 - O evento é definido oficialmente como CAMPEONATO CATARINENSE DE KART INDOOR.

14 - CARTEIRA DESPORTIVA
14.1 - O piloto só poderá participar do evento se for federado no ano vigente nas categorias da modalidade KART.

14.2 - Ao se inscrever no evento, o piloto que não possuir nenhuma carteira desportiva emitida por entidade reconhecida pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e que não tiver interesse em emitir carteira de piloto nas seguintes categorias (no ano vigente):
a. PNK (PILOTO NOVATO KART);
b. PGK (PILOTO GRADUADO KART);
c. PSK-A (PILOTO SÊNIOR KART); e
d. PSK-B (PILOTO SÊNIOR KART.
será filiado à Federação de Automobilismo de Santa Catarina (FAUESC), na modalidade PKI (PILOTO KART INDOOR). Os valores da carteira e emissão já estão inclusos no valor da inscrição do evento.

14.3 - A carteira de Piloto Kart Indoor (PKI) do piloto inscrito será entregue na solenidade de abertura do evento (14 de Abril).

14.4 - O piloto que já é federado, por órgão reconhecido pela CBA, em uma das categorias citadas anteriormente (Item 14.2), no ano vigente, não receberá carteira de Piloto Kart Indoor (PKI).

Será promovido pelo Clube Kart Penha e terá a supervisão da FAUESC. Pela primeira vez na história será realizado o Campeonato Catarinense de Kart Indoor. O evento será no Kartódromo Internacional Beto Carrero em Penha, Santa Catarina.

RA RACING
(48) 99166-1717
Penha, Santa Catarina, BRASIL

ENTRE EM CONTATO